Sai nos dias de maior fluxo

terça-feira, novembro 18, 2003

Está aberta a caça ao gato

Eu tento-me desviar de um gato, numa auto-estrada na qual transitava a 130 km/h, correndo o risco de perder o controlo do carro e ter um acidente, e o que é que o gato faz? Recusa-se a morrer em paz e parte-me o depósito do líquido limpa-vidros, ao ser atropelado. Filho de uma grande gata parideira!

É ou não é ingrato este maldito gato preto? Eu pensei que, uma vez que o gato preto não cruzou à minha frente, tendo sido morto antes que o pudesse fazer, não correria o risco de ser afectado pelo azar inerente ao processo. No entanto, matar gatos pretos deve dar tanto azar como deixá-los cruzar à nossa frente.

Entretanto preparo-me para gastar uma fortuna na oficina da Peugeot, para substituir o depósito, inutilizado pelos estragos provocados por esta vingança felina.



Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!