Sai nos dias de maior fluxo

terça-feira, julho 19, 2005

segunda-feira, julho 18, 2005

Fónix!!

"Esperma de porco no espaço"
in Metro

O meu recorde cifra-se na distância entre o poliban e o bidé, com as cortinas abertas, claro, e nos meus longínquos tempos de adolescente pujante.

I want to be a woman!



From now on, I want you all to call me 'Loretta'
Parabéns!

sexta-feira, julho 15, 2005

Novo visual


Vítor Baía, num treino de pré-época do FCP, orgulhoso do seu novo look.

Liedson vai sair do Sporting

A garantia foi dada hoje por vários orgãos de comunicação, baseando-se no facto do Sporting já estar no mercado à procura de um substituto do "levezinho"...

...mais concretamente no Jumbo, no Carrefour, no Modelo...

Prioridades...

Numa sondagem encomendada pela Antena 1, onde perguntaram a vários indivíduos sobre o destino a dar ao prémio do euro-milhões desta semana(81.000.000€), houve um senhor que respondeu o seguinte:

-"Primeiro ficava desempregado! Depois comprava um avançado para o Benfica! Depois ajudava a minha filha a endireitar a vida, e no fim gozava a vida com o que sobrasse!!!"

Posto isto, permitam-me o seguinte comentário:
ENTÃO E COMPRAR UM KITZINHO? HEIN?

quinta-feira, julho 14, 2005

O Amor é um Lugar Estranho

Lost in Translation - ora aí está um bom exemplo de como um título de um filme se pode perder na tradução.

Lost in Translation

Ontem, durante o jogo do Benfica contra o poderoso Étoile Carouge, o repórter de campo comentava que o Karyaka tinha dificuldades de entendimento com os companheiros pois era o único jogador do Benfica que não falava nem Português, nem Inglês, nem Francês. O único? Então e o Mantorras? O Karyaka pelo menos fala Russo, o Mantorras nem isso.

quarta-feira, julho 13, 2005

Reencontro

O acampamento do pessoal do PERÍODO (excepto Iznogud e Dr. Casca) correu bem, se não vejamos: ninguém se cagou nas cuecas; ninguém ficou lemming; ninguém beijou ninguém; acordámos cedo (9h) para ir para a praia; cheguei à conclusão de que não estou careca; continuamos a falar do passado (somos quase todos benfiquistas); soube que um oriental amigo trabalha com crianças e que um outro ainda não acabou o curso.
Para o ano há mais.

sexta-feira, julho 08, 2005

Telemarketing

Já todos nós recebemos telefonemas onde nos tentam vender qualquer coisa, que embora não nos faça falta nenhuma, quase compramos só para não dizermos o óbvio.
Pois bem, hoje recebi um telefonema de uma editora que representa, entre outras revistas, a Turbo, uma revista de automóveis, no qual uma senhora muito simpática me tentou vender uma assinatura de um ano e meio pelo preço de apenas um ano. Reconheço que era um excelente negócio, mas fui obrigado a recusar.
Entretanto a senhora, imbuída no seu espírito de missão, perguntou:
-"Mas pode dizer-me a razão pela qual recusa esta excelente oferta?"
Hesitei uns segundos, mas resolvi dar esta resposta:
-"Bem, não tenho assim tanto interesse nesse tema..."
Fantástico, pensei eu. Ora aqui está uma resposta que vou poder dar sempre que me quiserem vender alguma coisa.
Mas logo a seguir a senhora perguntou:
-"E que tal dois anos, pelo preço de um, da revista FHM?"

quinta-feira, julho 07, 2005

Segurança

Londres foi escolhida, entre outras coisas, por ser uma das cidades mais seguras de entre as candidatas. Se assim for não quero imaginar as bombinhas nas outras candidatas. Londres tá repleta de indianos e paquistaneses. Eu não sei quem foi que pôs as bombinhas, mas desconfio. Sou assim, um gajo desconfiado. Eu até gosto dos monhés (Astro, esta é para ti), mas acho que existem muitos.

JO2012

E Londres está a explodir! Das duas uma, ou são os ingleses a rebentar de orgulho ou são os franceses a foder aquela merda toda. Et maintenant?

segunda-feira, julho 04, 2005

Alberto João Jardim não quer chineses na Madeira



... principalmente aqueles que pertencem às perigosas tríades chinesas, já que, em mafiosos, a Madeira está muito bem servida...

sexta-feira, julho 01, 2005

Memories...

Amanhã uns quantos escorredores deste pasquim reunem-se por via de pôr a conversa em dia, ao cabo de vários meses sem contacto visual. E, enquanto pensava nisso, aflorou-se-me á memória uma situação que comprova os burros que éramos e que, provavelmente, continuamos a ser. Já lá vão quase para 10 anos quando 5 dos palhaços que aqui escrevem, entre eles moi même, decidiram comprar uma bola de futebol para dar uns chutes. Cada um decidiu entrar com 500 paus e fomos a uma loja de desporto. Um de nós virou-se para o senhor da loja e disse: "Queríamos comprar uma bola de futebol por dois contos e quinhentos", ao que o homem respondeu " Que curioso, tenho aqui mesmo uma bola que custa exactamente dois contos e quinhentos!". E assim comprámos uma puta duma bola que nem mil paus valia... Bela compra! Lembram-se, rapaziada? Se amanhã formos ás putas já sabem a lição...



Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!