Sai nos dias de maior fluxo

quinta-feira, maio 22, 2008

Galp explora os seus funcionários

O Período descobriu que, para além de influenciar os preços dos combustíveis a nível nacional, impedindo uma real liberalização dos preços em Portugal, uma das formas que a Galp Energia encontrou para manter os actuais lucros foi a de eliminar o subsídio de almoço dos seus empregados.
Um fotógrafo d'O Período captou a imagem de uma profissional da Galp energia, claramente subnutrida e forçada a efectuar trabalho pesado (ver foto).


Foto - Funcionária da Galp, subnutrida como consequência da falta de dinheiro para almoçar, e forçada a efectuar trabalho pesado.



Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!